In Destaque, Organização do Tempo

Eu adoro viajar. Sempre que estou nesse momento de planejamento do ano fico com vontade de incluir mais e mais viagens. Há alguns anos isso não era uma possibilidade muito próxima já que muitos dos meus atendimentos e trabalhos eram feitos localmente. Com o negócio digital essa realidade mudou e hoje consigo realizar mais projetos de viagem.

Isso me agrada muito porque quando comecei o processo de mudança de carreira foi com uma visão muito clara que daqui há alguns anos quero ter um fluxo mais nômade e flexível. É muito bacana quando a gente começa a ver que os passos que damos, mesmo que sejam pequenos, nos levam em direção aos sonhos que queremos realizar. E o caminho acaba ficando tão prazeroso…

Eu ainda não dei a volta ao mundo, não conheço a Europa, a Ásia, a África. Mas sei que se todo ano planejar, todo ano vou viajar. E isso tem ficado tão recompensador que já tenho viagens agendadas pra Agosto de 2018.

Estou trabalhando para consolidar o meu modelo de negócio com um estilo de vida nômade digital. Quando estou viajando não desplugo do trabalho. E é pra ser assim mesmo.

O trabalho não é minha vida. É parte dela. Click To Tweet

A ideia é poder viajar, explorar e conhecer. Enquanto isso me fornece experiências que alimentam o meu trabalho, posso ir realizando ele de qualquer lugar que eu esteja.

A vida de nômade precisa ser muito bem planejada, pois, em viagens, os imprevistos tendem a dobrar. Por isso, fazer uma previsão é essencial. Eis alguns aprendizados retirados da minha última temporada de eventos no Brasil:

  • É importante sempre checar se o local que vou ficar hospedada tem internet, cabo ethernet e qual é a qualidade da conexão.
  • Carregar o cabo ethernet de 20 metros é uma atitude inteligente, assim como andar sempre com o adaptador do Mac para Ethernet na bolsa.
  • Viajar já é estudar. É realmente mais complexo arrumar tempo para estudar enquanto estou viajando, então o que posso fazer é sempre validar os aprendizados de viagem.
  • Andar com um livro de papel na bolsa. E com um Kindle carregado e com vários livros já baixados.
  • Na ausência de um CoWorking, vale alugar um quarto de hotel. O Hotel Quando funciona muito bem e faz reserva por horas em bons hoteis. Dá até pra dar aquela cochilada básica entre um evento e outro.
  • Respostas e escritas são blocos essencias de trabalho. Mesmo em viagem é importante dedicar sempre 3 horas diárias para atender esses dois blocos de tempo.
  • Blocos essenciais pessoais como Rotina Matinal, meditação e leituras me tomam 2 horas. Mesmo em viagem, é hábito já reservar as manhãs para este processo.
  • O período de uso do celular aumenta pelo trabalho móvel. Não preciso me assustar, o tempo no computador é menor por outro lado.
  • Yoga é o exercício e a prática perfeita para vida nômade. Vale carregar meu tapetinho em viagem.
  • Tudo que preciso para viajar por meses cabe dentro de uma mala de 23 kilos, com meu armário cápsula. Para viagens menores funciona bem ir com uma mala de 10 kilos com micro cápsulas.
  • Adotar uma garrafinha de água me ajuda a tomar mais líquidos em viagem. Ela tem que estar sempre na mochila.
  • Não gosto de levar bolsa em viagem. Mochila é mil vezes mais prático. Uma mochila e uma bolsa de tiracolo: é o suficiente.

Algumas anotações básicas de observações feitas que com certeza me ajudarão no próximo planejamento. Gosto de registrar sempre esses aprendizados para garantir que minha próxima viagem será mais tranquila. Afinal, se a ideia é viajar e trabalhar, é realmente importante otimizar o tempo para dar o melhor nos dois mundos.

A observação de rotinas é o primeiro passo para garantir que o fluxo da viagem combine com o fluxo de trabalho. De acordo com as rotinas que tenho hoje, fiz uma divisão no que entra no fluxo de trabalho quando estou Em Casa e quando estou Em Viagem. Esse é um desenho de rotinas recente, que vou experimentar para próximas viagens, já adotando os aprendizados feitos na última.

Haverão viagens a trabalho e viagens a lazer. No caso das viagens a lazer as rotinas de Office e Treinamentos Presenciais não acontecem. As demais permanecem com mais permissão e flexibilidade para adaptação.


Alguém mais aí no estilo Nômade Digital? Como vocês se organizam para dar conta das demandas enquanto estão viajando?

Me conta nos comentários!

 

Recent Posts

Leave a Comment

Receba minhas dicas de organização pessoal em sua caixa
INSTAGRAM
FACEBOOK
Contato

Envie um e-mail e entrarei em contato em breve

Not readable? Change text. captcha txt

Start typing and press Enter to search